Notícia

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E TURISMO

Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo
Terça, 24 Maio 2022 16:38

Sedetur potencializa estratégias para desenvolver o turismo na região de Lagoas, Mares e Rios do Sul

Termo de Fomento foi recém-assinado entre o setor e o Governo de Alagoas.

Sedetur potencializa estratégias para desenvolver o turismo na região de Lagoas, Mares e Rios do Sul Fotos: Ascom/Sedetur
Texto de Cecília Tavares

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e do Turismo (Sedetur) deu prosseguimento, nesta terça-feira (24), às tratativas da retomada econômica do estado pós-Covid. A secretária Caroline Balbino se reuniu com gestores da Instância de Governança Lagoas, Mares e Rios do Sul para discutir estratégias para desenvolver o turismo da região.

Na última sexta-feira (19), durante o evento de lançamento da retomada econômica do estado pós-Covid, o governador Paulo Dantas e a secretária assinaram um Termo de Fomento com a Instância para repasse de recursos destinados à promoção da região.

De acordo com o presidente da Instância, Marco Jacinto, uma parte do recurso será destinada à contratação de um consultor, que irá trabalhar na formatação de novos produtos turísticos na região.

“Em linhas gerais, o Termo de Fomento entre a nossa Instância e o estado de Alagoas trará grandes benefícios – a verba será utilizada para impulsionar o turismo, com a contratação de um especialista, que montará novos roteiros ecológicos na região como um todo, além da participação da Instância em feiras nacionais de turismo, incluindo municípios da região que ainda estão engatinhando no segmento. Chegamos, de fato, à concretização das ideias, tiramos as ideias do papel e levamos ao mundo real, dando um maior fôlego para região”, explica o presidente.

De acordo com a secretária Caroline Balbino, a organização das regiões é importante para o desenvolvimento e fomento do segmento do turismo.

“Esse processo de fortalecimento das Instâncias de Governança é fundamental - essa união do poder público com a iniciativa privada é importante para fortalecer e diversificar os produtos das regiões turísticas, dar mais visibilidade e também captar recursos de outras instituições privadas. Além da Instância Lagoas, Mares e Rios do Sul, estamos no processo de consolidação de convênios das instâncias de governança da região dos Cânions do São Francisco e dos Quilombos, para que cada vez mais a gente possa avançar e fomentar o turismo no estado de Alagoas”, pontua a secretária.

De acordo com os gestores da região, está em estudo pela Instância a retomada do Portugal em Cena, evento gastronômico já tradicional da região, que celebra a cultura portuguesa.

Regiões turísticas alagoanas

Com paisagens cheias de contrastes e cores, águas calmas e cristalinas e belezas naturais inconfundíveis, Alagoas sustenta, com charme e propriedade, o título de Estado com as praias mais bonitas do Nordeste do Brasil. Localizado em um dos pontos privilegiados da costa brasileira, Alagoas faz divisa com os estados de Pernambuco, Bahia e Sergipe.

O Estado é dividido em sete regiões turísticas - Grande Maceió, Cânions do São Francisco, Costa dos Corais, Região dos Quilombos, Caatinga, Agreste e Lagoas, Mares e Rios do Sul, reunindo uma diversidade de produtos e roteiros turísticos, tanto em seus 250 km de litoral como no interior, com praias paradisíacas, extensos coqueirais, corais, falésias, cânions, cachoeiras, trilhas e monumentos históricos - proporcionando aos visitantes uma experiência completa em turismo de lazer, aventura, cultural e gastronômico.

Retomada Segura

A retomada segura e gradual do turismo em Alagoas conta com o selo Safe Travels da WTTC (World Travel & Tourism Council), entidade de turismo internacional que reconhece destinos ao redor do mundo que tenham implementado protocolos sanitários em padrão mundial.

No total, onze municípios alagoanos já foram contemplados com a certificação internacional - Pilar, Penedo, Maragogi, Porto de Pedras, Piranhas, Japaratinga, Delmiro Gouveia, Marechal Deodoro, Roteiro, Passo de Camaragibe e Maceió. O estado também registra cerca de 2.094 empreendimentos turísticos com o selo do Turismo Responsável do Ministério do Turismo, ocupando o primeiro lugar do Nordeste em emissão de selos.

As duas certificações levam em consideração a prática de condutas que tragam segurança para turistas, trabalhadores e moradores das regiões turísticas