Notícia

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E TURISMO

Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo
Quinta, 28 Abril 2022 12:11

Sedetur faz ação de cadastro de artesãos em Coruripe

Ação da Gerência de Design e Artesanato da Sedetur/AL entregou mais de 250 carteiras.

Sedetur faz ação de cadastro de artesãos em Coruripe Fotos: Guido Jr.
Texto de Isabella Padilha e Cecília Tavares

A Gerência de Design e Artesanato da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur) realizou, na terça-feira (26), no Pontal de Coruripe, no Litoral Sul alagoano, uma ação de cadastro e renovação da Carteira do Artesão para os profissionais do município. Além dos novos cadastros e renovações, também foram entregues mais de 250 carteiras já emitidas.

A emissão de carteiras de artesão faz parte do Programa do Artesanato Brasileiro (PAB) que, em Alagoas, é coordenado pela Sedetur. O PAB atua na elaboração de políticas públicas envolvendo órgãos das esferas federal, estadual e municipal, além de entidades privadas, priorizando a geração de ocupação e renda e o desenvolvimento de ações que valorizem o artesão brasileiro. No estado, mais de 17 mil pessoas possuem a Carteira do Artesão, desse montante, o ofício integra a renda familiar de 60%.

Entre os benefícios garantidos pelo programa, estão a isenção da cobrança do ICMS na emissão de notas fiscais avulsas; contribuição para o INSS com valor diferenciado de autônomo; visita de censo e curadoria para mapeamento e recebimento da placa da fachada do ateliê com identificação 'Aqui tem Alagoas Feita à Mão'.

“A carteirinha não só identifica, mas gera uma série de benefícios para o artesão, envolvendo a participação em feiras nacionais e internacionais, a facilidade na obtenção de empréstimos, bem como a colocação do produto no mercado de uma forma mais profissional. O grupo produtivo dos artesãos é uma prioridade para o Governo do Estado, que segue continuamente estabelecendo políticas públicas para melhorar as condições de trabalho e renda dos artistas alagoanos”, explica o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, André Luiz Gomes.

Entre as tipologias artesanais produzidas na região de Coruripe, se destacam os trabalhos produzidos com a fibra de Ouricuri, uma palmeira nativa do Brasil. As artesãs utilizam a palmeira na produção de peças artesanais como chapéus, bolsas, cestaria, utensílios de casa e adornos. De acordo com a artesã Érika Gomes dos Santos, presidente da Associação das Artesãs do Pontal do Coruripe, que possui cerca de 30 associadas - todas com a carteirinha de artesão emitida e renovada – o documento é fundamental.

“A carteira é muito importante, porque através dela temos um reconhecimento maior e muitas portas se abrem para gente – podemos participar de feiras, ganhamos a possibilidade de contato e negociação com novos clientes, além da retirada de empréstimos com alguns benefícios”, reforça a artesã.

Para o prefeito do município, Marcelo Beltrão, a ação de emissão e renovação das carteiras de artesão fortalece a arte local e o turismo da região.

“Essa ação de entrega de carteirinhas é mais uma ação que parece pequena, mas não é – é uma ação de reconhecimento – que eleva a produção artesanal dos artistas da nossa região. A arte produzida com a fibra de Ouricuri aqui em Coruripe precisa ser multiplicada e perpetuada, uma vez que é tradição do nosso município – e, além de gerar reconhecimento, atrai turistas e, consequentemente, movimenta a nossa economia, melhorando a vida da população”, afirma o prefeito.

A emissão das carteiras também pode ser feita de forma on-line, através do número (82) 98705-7998, via WhatsApp. O atendimento é realizado pela Gerência de Artesanato e, no contato, deve ser enviado o nome completo, CPF, telefone e e-mail. A equipe técnica entrará em contato com o artesão e, após a conclusão do procedimento, a carteira é enviada em PDF para o e-mail e/ou WhatsApp.