Notícia

DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO E TURISMO

Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo
Quarta, 11 Setembro 2019 14:43
Recurso

Governo de Alagoas busca investimentos para obras de infraestrutura e turismo

Região Norte, segundo polo indutor de turistas para o estado, pode ser contemplada com obras de saneamento básico, malha viária, mobilidade e urbanização.

Atividade turística será beneficiada com o programa Estrutura Alagoas Atividade turística será beneficiada com o programa Estrutura Alagoas Divulgação
Texto de Thiago Tarelli

O Governo de Alagoas dá mais um passo em direção ao desenvolvimento econômico e social do estado por meio do turismo. Dessa vez, o executivo estadual busca recursos junto ao Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF), para investimentos em obras de saneamento básico, malha viária, urbanização e mobilidade que impulsionarão a atividade turística em diversas cidades alagoanas.
 
O Banco de Desenvolvimento da América Latina tem por objetivo promover um modelo de desenvolvimento sustentável, por meio de operações de crédito, recursos não reembolsáveis e apoio em estruturação técnica e financeira de projetos dos setores público e privado da América Latina. Constituído em 1970 e atualmente composto por 19 países – 17 da América Latina e Caribe, além de Espanha e Portugal – e 13 bancos privados, é uma das principais fontes de financiamento multilateral e um importante gerador de conhecimento para a região.  

 

Junto ao CAF são pleiteados 140 milhões de dólares para criação do programa Estrutura Alagoas, que investirá estes recursos em projetos que vão desde obras de duplicações – como da rodovia Estadual AL-101 Norte, no trecho que liga a capital Maceió e Barra de Santo Antônio – até saneamento, urbanização e mobilidade da região de Norte de Alagoas, em municípios como Maragogi e na Rota Ecológica de Milagres, que abrange as cidades de São Miguel dos Milagres, Passo de Camaragibe e Porto de Pedras.

 

A região a ser beneficiada concentra o segundo maior polo indutor de turistas para Alagoas, de acordo com o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo, Rafael Brito. 

 

“Estas obras serão essenciais ao desenvolvimento econômico e social do estado porque contemplamos o segundo polo indutor de turistas para Alagoas. Com os investimentos no esgotamento sanitário de Maragogi e de todos os municípios da rota ecológica nós resolveremos gargalos – como a falta de água e saneamento básico - que atrapalham o progresso do turismo há muitos anos, além de beneficiarmos os milhares de moradores da região. Com a infraestrutura adequada, essa região se consolidará no mercado internacional do turismo, atraindo cada vez mais turistas de dentro e fora do país, fortalecendo a economia da região, com mais oportunidades e geração de renda no setor”, ressalta.

 

Para a presidente executiva do Costa dos Corais Convention Visitors e Bureau (CCVB), Ana Maria Carvalho, entidade que promove o turismo na região Norte do estado, as obras são aguardadas pelo trade turístico e população há algum tempo. “Nós reconhecemos a iniciativa do governo de Alagoas em buscar recursos para estas obras que são essenciais para a região Norte do estado. Tanto é que fizemos questão de acompanharmos essa visita dos diretores do CAF e dos representantes das secretarias, porque estes projetos estruturantes são de vital importância não só para os moradores, mas também para o turismo local”, conta.

 

Visita

 

Acompanhados de representantes das secretarias de Desenvolvimento Econômico e Turismo (Sedetur), da Fazenda (Sefaz), do Transporte e Desenvolvimento Urbano (Setrand) e Infraestrutura (Seinfra), diretores do CAF estiveram em Alagoas para missão técnica na primeira semana deste mês de setembro, visitando as áreas dos projetos, realizando reuniões temáticas e de revisão de aspectos institucionais e de execução do Programa.